FARINHA DE COCO DA BAHIA

R$7,90 R$6,00
24% OFF
FARINHA DE COCO DA BAHIA - Nome cientifico: Cocos nucifera
PARTES USADAS: Castanha
MARCA DO PRODUTO: Copra
 
ORIGEM DO PRODUTO: Brasil
 
DETALHES DO PRODUTO: A polpa de coco é secada e tirada a gordura, moída e finamente transformada em um pó muito similar na consistência à farinha de trigo. Contém uma fibra mais dietética do que o trigo, que é 58%, visto que o trigo contém 27% somente. A farinha de coco é diferente das alternativas de trigo. Porque tem índice baixo em carboidratos de fácil digestão e não contém glúten. Tem menos carboidratos que a soja e é rica em fibras, também tem uma boa fonte de proteínas, sendo quatro vezes maior em números de fibras do que o farelo de aveia, duas vezes maior que o farelo de trigo, e três vezes maior do que a fibra da semente de linhaça moída. Ao contrário de outras fibras, a farinha de coco pode ser usada para fazer produtos de padaria e deliciosos pratos principais que ficam muito mais saborosos do que as alternativas com trigo. Farinha de coco também contém mais proteína do que a farinha de centeio ou milho. Não é só uma farinha sem glúten e com proteínas, é também uma farinha livre de grãos. Portanto, para aqueles que seguem dietas rigorosas, livres de grãos, a farinha de coco abre um mundo de deliciosas possibilidades em pães, bolos e outras receitas. Pães feitos com farinha de coco são leves e macios e tem um sabor e uma textura maravilhosa. Uma vez que a farinha de coco contém açúcar naturalmente proveniente da carne do coco, as receitas preparadas co ela necessitam de menos açúcar.
 
DESCRIÇÃO: As origens desta planta são passíveis de discussão. Enquanto algumas autoridades relatam que ele veio do Sudeste da Ásia, sendo assim seu local de origem, outros colocam a sua origem no nordeste da América do Sul. Registros fósseis da Nova Zelândia indicam a existência de pequenas plantas similares ao coqueiro de mais de 15 milhões de anos. Fósseis ainda mais antigos foram também descobertos no Paquistão e ÍndiaQualquer que fosse a sua origem, os cocos espalharam-se através dos trópicos, em particular ao longo da linha costeira tropicalComo o seu fruto é pouco denso e flutua, a planta é espalhada prontamente pelas correntes marinhas que podem carregar os cocos a distâncias significativas. A palmeira do coco prospera em solos arenosos e salinos nas áreas com luz solar abundante e pancadas de chuva regular (75–100cm anualmente), o que torna a colonização da costa relativamente fácil. A partir do óleo também se produz sabonete, Shampoos e hidratantes. Essa palmeira é muito comum ao longo da costa Brasileira. É uma palmeira elegante que pode atingir até 50m de altura. Estipe característico por apresentar folhas verdes pomposas no seu ápice. Flores amareladas, aglomeradas em longos cachos. Cada palmeira pode apresentar vários cachos, surgindo de janeiro a Dezembro. Frutos redondos meio ovais de coloração verde e amarronzada quando estão maduros. A polpa é farinácea e oleosa, envolvendo de uma grande castanha branca.
 
PROPRIEDADES: Anti-inflamatória, Calmante, Condicionante, Emoliente, Hidratante, Nutritiva, Antioxidante, Protetor das membranas celulares, Refrescante, Remineralizante. Seus principios ativos são: acetovanilona, ácido ascórbico, ácido cáprico, ácido caprílico, ácido Cítrico, ácido ferúlico, ácido láurico, ácido mirístico, ácido quínico, ácido succínico, ácido valínico, celulose, chlorina, fitosterol, inositol, tocoferol, vanilina e vitamina E. 100 gramas de polpa contém 589,8 calorias, 14 gramas de água, 27,80 gramas de hidratos de carbono, 5,70 gramas de proteínas, 5,50 gramas de gorduras, 2 gramas de sais, além de vitaminas A (5UI), B1 (173 mcg), B2 (102 mcg), B5 (0,1 mg) e C (8,2 mg).
 
ATUAÇÃO: * Fortalecendo o sistema imunológico; * Funciona como antiinflamatórios naturais; * Contribui para a perda de peso - a gordura não é estocada no organismo e aumenta o metabolismo por ter termogênico; * Diminui compulsão por carboidratos (açúcares, massas), por não liberarem insulina + efeito de saciedade; * Efeito antioxidante - não rança facilmente, sem liberar radicais livres no organismo; * Regula função intestinal, facilita digestão e absorção de nutrientes; * Importante atividade antimicrobiana + destrói vírus, fungos e bactérias; * Balanceiam os níveis do bom colesterol (HDL); * Regula funcionamento tireoidiano; * Nutre pele e cabelos.
 
INDICAÇÃO: Abscessos, abrir o apetite, afecções respiratórias, amaciante da pele, angina, artrite, blenoragia, bronquite, bronquite asmática, calmante, cefaleias, cistite, cólicas abdominais, disenterias, desnutrição, diarreia, dores, febre, fortificante dos músculos e das gengivas, furúnculos, hidratante, icterícia, inchaço nas pernas, inflamação do canal da uretra, inflamações dos olhos, irritações gastrointestinais, nefrite, nutriente, repositor de sais minerais, tosse, traqueite, úlceras gástricas, vermífugo (teníase), vômito na gravidez. Castanha: úlceras de estômago, inflamações intestinais, asma, afecções das vias respiratórias; Água de coco: hidratante, enfermidades da bexiga; Coco fresco ralado: vermes intestinais; Óleo de coco: dor em dentes cariados, além de facilitar sua extração. A Farinha de coco: é fonte de fibras e é usada para substituir o Glúten. Controle do colesterol, controle da diabetes, reduz inflamações (artrite, artrose, reumatismo, etc). * Combate cândida e outros fungos. * Combate bactérias e vírus como H. pylori, bactéria causadora da gastrite, e os vírus do herpes, ou Epstein-bar causador do câncer de laringe). * Melhora o funcionamento da tireóide, ajudando principalmente no hipotireoidismo. * Emagrece, por ser a única gordura não estocada no corpo, ativando também o metabolismo e induzindo à queima de gordura. * Aumenta a imunidade, por induzir à medula óssea a formar mais linfócitos (células de defesa). * Aumenta a longevidade, por ser uma gordura que não oxida fácil e previne o envelhecimento precoce. 
 
NUNCA DEIXE DE CONSULTAR SEU MÉDICO, DERMATOLOGISTA OU NUTRICIONISTA ANTES DE CONSUMIR!
Compartilhar: